Equipe de Colaboradores
Juntos enriquecemos as práticas psicológicas

 

CONHEÇA NOSSOS AUTORES NOSSAS AUTORAS OS COLABORADORES DO PSICO EDUCA

Têm pessoas que são naturalmente calmas enquanto outras são ansiosas, agitadas e inquietas. Eu particularmente me considero calmo na maior parte do tempo. Mas tenho meus momentos de muita ansieda...
Continuar lendo

Tem horas que precisamos fazer avaliações e julgamentos a respeito da capacidade de alguém conseguir realizar alguma atividade em específico.

Dependendo de qual for a atividade e de quem for realizá-la nosso cérebro logo deduz: sem chance desse magrelo levantar todo esse peso; esse gordinho nunca vai conseguir terminar essa maratona; fulaninho não tem jeito de vendedor para poder atuar na área comercial da empresa.

Assim como subestimamos outros, tem vezes que subestimamos a nós mesmos: Eu não tenho talento musical para aprender a tocar violão; Não sou bom em matemática para conseguir cursar uma faculdade de engenharia; É difícil demais aprender um outro idioma.

Você está subestimando alguém quando acredita que ela não tem capacidade de conseguir realizar o que está se propondo a fazer quando na realidade ela têm sim condições para isso.

Cuidado! Já diz o ditado: "as aparências enganam". Em qualquer um dos casos, você pode estar subestimando a capacidade de alguém. Inclusive a de si mesmo.

Continuar lendo

A sua vida provavelmente é cheia de coisas que você gostaria de ter e ser e não tem e não é. Normal. A grande maioria de nós somos assim. Estamos o tempo inteiro lutando por algo que queremos e que julgamos ser importante para nós.

Nessa eterna busca cultivamos um sentimento permanente de insatisfação. Acabamos deixando de perceber o quanto já temos e deveria ser motivo de gratidão. Um dos maiores benefícios da gratidão é justamente contribuir para a nossa felicidade. Pense bem. Quando estamos concentrados no que não temos, sentimos uma sensação de vazio. Ao praticar gratidão você começa a observar o que já têm e se sentir bem por isso. Traz uma sensação muito maior de satisfação com a vida. Você troca um sentimento negativo por um positivo.

 

O que seria, então, gratidão?

 

Gratidão é reconhecer e perceber o que existe de bom na sua vida.  Apreciar e se sentir grato por dispor desse recurso lembrando que não são todos que dispõe de muito do que a vida já lhe oferece.

Continuar lendo